Os 5 melhores rebentos rotativos para dizer o suficiente à fadiga

Entre as ferramentas de trabalho para pequenas hortas e hortas, sobretudo enxadas rotativas

para lavrar o solo em preparação para a sementeira, ocupa um lugar de particular importância melhor enxada rotativa.

O que antes era feito à mão com um ou um enxadavirando um torrão de cada vez ou lavrando o solo para adubar, hoje pode ser feito de forma simples e sem esforço em terrenos de médio porte, mesmo inclinados e cortados irregularmente.

Resumo

  • Para que serve o leme
  • Cultivador ou cultivador rotativo?
  • Como o leme é alimentado?
  • Que outros tipos de motocultivador rotativo existem?
  • Um motocultivador rotativo é seguro?
  • Que manutenção requer um motocultivador rotativo?
  • Os 5 melhores motocultivadores rotativos
  • 1. Einhell GT-MT 1636
  • 2. Eurosistemas La Zappa
  • 3. Gardenitalia TH 90
  • 4. McCulloch MFT 44-100
  • 5. Eurosistema Z2

Para que serve o leme

É uma ferramenta mecânica que é utilizada para realizar trabalhos de preparação do solo, como a quebra do gramadoEU’eliminação de ervas daninhasa moagem raso em locais onde equipamentos maiores não podem alcançar.

Por esta razão, é adequado para trabalhar em superfícies não particularmente grandes, para trabalhos de acabamento, para drenar o terreno arejando-o um pouco em profundidade e na entrelinha de pomares.

Também pode ser usado para misturar fertilizantes com o solo, triturar e triturar resíduos vegetais e composto maduro que são usados ​​na preparação do solo antes da semeadura.

Cultivador ou cultivador rotativo?

Antes de fazer a escolha da máquina, é bom avaliar criteriosamente as tarefas a serem executadas, também com base no tamanho da parcela a ser trabalhada: quanto maior o espaço, mais potente e maior será o leme agrícola.

Com base nessas considerações você pode entender se esta ferramenta é suficiente para necessidades específicas ou se é melhor se orientar para a compra de uma trator ambulante.

Esses dois dispositivos executam parcialmente as mesmas tarefas, sendo a principal a lavra do solo. No entanto, as diferenças são notáveis ​​em termos de estrutura, tamanho e preço.

Ao contrário de uma enxada, que geralmente possui apenas uma pequena roda para facilitar o movimento, o trator ambulante é equipado com rodas reais. Também pode ser equipado com acessórios de vários tipos que permitem expandir e diversificar seu campo de uso.

Se você só precisa preparar um terreno para semear, o motocultivador é sem dúvida a ferramenta ideal e muito mais barato.

[amazon_link asins=’B00SCTJG9M,B00V45CFZI,B00A255J6I,B00UT7AWTS’ template=’ProductGrid’ store=’areamelhores0d-21′ marketplace=’IT’ link_id=’433a8007-e25a-11e6-95a7-7f06b4f8e539′]

Como o leme é alimentado?

Dentro da categoria de enxadas podemos distinguir dois tipos de equipamentos: modelos que são abastecidos (gás ou diesel) e modelos elétrico.

o enxadas elétricas podem ser alimentados por cabo ou estão equipados com bateria recarregável. No entanto, essas ferramentas geralmente não desenvolvem potência comparável àquelas que funcionam com combustível.

Para trabalhos que exigem algum empenho é bom optar por modelos motorizados gasolina ou dieselcom motores de dois ou quatro tempos (os dois tempos requerem misturaos de quatro tempos exigem gasolina sem chumbo ou diesel) e você pode escolher um determinado deslocamento.

Para transações menores, você também pode escolher um enxada motorizada com fonte de alimentação elétrico.

Neste post, cuidaremos de revisar os melhores motocultivadores rotativos combustível. Você encontrará uma seleção criteriosa de enxadas elétricas e tratores ambulantes nos posts dedicados ao assunto, também publicados neste site.

Que outros tipos de motocultivador rotativo existem?

Uma outra distinção, baseada no método de uso, diz respeito à posição dos dentes: existem de fato modelos com disposição dos dentes na parte posterior, anterior e vertical.

o leme com dentes nas costas eles são adequados para tarefas mais pesadas, como cortar novos terrenos. Eles até conseguem desenterrar os torrões rochosos. Um dispositivo assim estruturado é escolhido se houver ervas no jardim que não possam ser eliminadas ou se os solos forem pesados ​​e com má drenagem.

Uma máquina deste tipo pode ir mais fundo. No entanto, é necessário mais esforço para governá-lo e direcioná-lo.

o fresas rotativas de dentes dianteiros são mais manobráveis ​​e fáceis de usar, mas não atingem a mesma profundidade e são um pouco menos eficazes na presença de solos excessivamente compactados ou com raízes difíceis de erradicar.

o perfilhos verticaisfinalmente, são os menos potentes e os mais leves, geralmente alimentados eletricamente por cabo ou por bateria.

Muitos modelos atualmente no mercado eles oferecem a possibilidade de ajustar a profundidade de trabalho, tornando a máquina adequada para uma ampla gama de operações.

Quanto à manobrabilidade do veículo, para garantir o máximo de conforto, é melhor escolher um modelo que tenha alça ergonômico e que está equipado com mangas de borracha, para ter a aderência certa.

Complete a imagem de características técnicas de uma enxada, um sistema de direção e uma série de comandos no guidão que permitem girar, reverter, frear ou acelerar e adaptar a máquina a qualquer tipo de terreno.

Para o transporte, como essas máquinas não possuem rodas, é necessário transportá-las fisicamente à mão até o local de trabalho; alguns modelos, no entanto, possuem uma pequena roda para facilitar o reboque, mantendo as demais partes mecânicas afastadas do solo.

Um motocultivador rotativo é seguro?

Ter alguma prática na condução do veículo é essencial para evitar o risco de lesões. Se você está na primeira experiência com esse tipo de máquina, é melhor evitar usá-la imediatamente assim que abrir a embalagem para realizar um trabalho exigente. Passo a passo, você aprenderá a ter controle total, sem pressa.

Também é importante usar roupas adequadas para o trabalho, trazer calçados de segurança adequados e outros equipamentos de proteção individual, como fones de ouvido e óculos de proteção acústica.

Que manutenção requer um motocultivador rotativo?

Modelos com motor de combustão interna eles devem ser mantidos e estão sujeitos a revisão periódica. Os motocultivadores que necessitam de grandes trabalhos de manutenção são aqueles com motores a gasolina de dois tempos: na verdade eles precisam de uma mistura já preparada na qual certas percentagens de óleo são adicionadas à gasolina sem chumbo.

No final da temporada, o carro deve ser admitido dentro de casa. Também é necessário que a gasolina presente no tanque seja totalmente extraída: deixá-la dentro durante o inverno tornaria quase impossível o uso do leme quando, nos primeiros dias frios da primavera, o solo estiver finalmente pronto para ser trabalhado.

Quanto aos motocultivadores a gasolina de quatro tempos, i teste produtos indicam que seu motor requer verificações periódicas do óleo e de alguns componentes, como a vela de ignição e o filtro.

Os 5 melhores motocultivadores rotativos

Não é fácil falar do melhor motocultivador, pois como vimos os diferentes modelos são utilizados para realizar diferentes tipos de trabalho, em diferentes tipos de solo.

Por isso, é importante analisar cuidadosamente suas necessidades, assim como no caso da compra de cortadores de grama e tratores de jardimdo ferramentas de jardim elétricas e de ferramentas manuais para jardinagem.

Podemos dizer que neste setor o marcas italianas possuem uma experiência de produção consolidada e oferecem equipamentos que são justamente um símbolo de feito na Itália no mundo.

No mercado modelos de todos os tipos são oferecidos e um também pode ser encontrado bom lavrador econômico. Nosso opinião no entanto, não é considerar exclusivamente a baixo custo e sempre se orientar para máquinas de boa qualidade.

Nesta seleção você pode encontrar uma seleção precisa dos principais modelos propostos no venda on-line.

Abaixo apresentamos a você as melhores fresas rotativas:

1. Einhell GT-MT 1636

O melhor para: custo-benefício

É uma poderosa ferramenta de preparo do solo projetada com motor de quatro tempos de cilindro único.

A profundidade de trabalho é de 20 centímetros. O eixo do motor repousa sobre rolamentos de esferas e garante grande eficiência e máximo silêncio. A roda guia estável e direcional garante um manuseio notável.

As pegas são reguláveis ​​em altura, para adaptar o aparelho às necessidades individuais.

2. Eurosistemas La Zappa

O melhor para: leveza

Ele tem um motor a gasolina Briggs & Stratton 450 E-Series de quatro tempos OHV (válvula no cabeçote).

É movido a gasolina e o arranque é manual (recuo com corda automática).

O timão está equipado com uma fresa de 36 cm que penetra no solo no ângulo certo para realizar o trabalho e com uma roda de transferência conveniente, que pode ser liberada com um simples gesto. O aparelho é fabricado na Itália.

3. Gardenitalia TH 90

Melhor para: Montagem simples

É um modelo com motor a gasolina OHV123 T de 123 cc a quatro tempos com válvulas à cabeça.

É ideal para trabalhar o solo de pequenas hortas, jardins e estufas graças ao seu cortador de 36 cm, que penetra no solo no ângulo certo.

A roda de transferência é muito conveniente e pode ser liberada de forma rápida e fácil. O equipamento é projetado e construído na Itália.

4. McCulloch MFT 44-100

Melhor para: acessórios adicionais

Caracterizado por um design clássico, este leme compacto tem uma largura de trabalho de 44 cm, enquanto a profundidade de trabalho é de 20 cm.

Equipado com motor Loncin, possui sistema de transmissão manual por corrente. Oferece uma marcha à frente e tem uma velocidade de rotação de 145 rpm. A tampa da transmissão é removível.

O escarificador, a relha (com rodas metálicas) e a biseladora estão disponíveis como acessórios.

5. Eurosistema Z2

Melhor para: eficácia em solos duros

Projetada com marcha à frente, possui guidão dobrável e regulável em altura para o máximo conforto operacional. A transmissão é realizada por meio de um parafuso sem-fim em banho de óleo.

O cortador tem uma largura de trabalho de 40 centímetros. É composto por quatro elementos, cada um com quatro enxadas.

O motor a gasolina Loncin OHV 123 T de 123 cc OHV (válvula superior) a quatro tempos garante a potência certa para o trabalho, mesmo em solos secos e duros.

Similar Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *