11 dicas úteis para iniciantes de caiaque

Caiaque é um grande esporte e é fácil de aprender. Assim como o ciclismo, não requer instalações especiais para ser praticado: basta comprar ou alugar o equipamento. Dentro de algumas horas você estará remando alegremente, mesmo sabendo que precisa aperfeiçoar um pouco sua técnica. Claro que, por ser um esporte que se pratica na água, o requisito mínimo é saber nadar pelo menos um pouco.

No entanto, existem diferentes formas de caiaque: a praticada em águas calmas, a de mar e a de água doce. Se você quer praticar caiaque na Itália ou deseja experimentar uma aventura de 360 ​​° do outro lado do mundo, você precisa adquirir uma boa habilidade básica antes de ser completamente independente.

Você deve primeiro entender qual caiaque é mais adequado para o tipo de água que deseja enfrentar. E então… pegue um conselho! Aqui estão as coisas a saber antes de colocar o caiaque na água.

Resumo

  • 1. Escolha a raquete certa
  • 2. Tente ficar seco
  • 3. Aprenda a usar a bolsa da maneira certa
  • 4. Pratique o remo básico
  • 5. Qual nó?
  • 6. Traga um amigo com você
  • 7. Compre um colete salva-vidas
  • 8. Aprenda a reconhecer as armadilhas do rio
  • 9. Sinal de mão
  • 10. Verifique o clima
  • 11. Escolha uma rota ou defina uma rota
  • Como sentar?
  • Como segurar o remo?
  • O tronco faz o trabalho
  • Escolha de caiaque?

1. Escolha a raquete certa

A primeira coisa a fazer é muito importante: invista em um bom remo, dimensionado corretamente. Mover o remo para frente e para trás torna-se cansativo depois de um dia, e é muito mais gratificante gastar sua energia movendo a água e, portanto, o caiaque, em vez do próprio remo. Os tipos baratos podem ser suficientes para seus primeiros passeios em águas calmas, mas sua melhor aposta é comprar um bom remo imediatamente.

remo de caiaque

Afinal, um remo pesado ou um tamanho inadequado tornarão cada movimento cansativo. Escolhendo o comprimento certo e a forma certa para o seu caiaque é essencial. Não compre o primeiro que você vê – reserve algum tempo para pesquisar.

2. Tente ficar seco

É fácil esquecer que um simples erro é suficiente para se encontrar em uma fração de segundo de cabeça para baixo, completamente imerso na água, de cabeça para baixo e encharcado. E mesmo que isso não aconteça com você, você ainda vai acabar se molhando de alguma forma ao remar.

Traga roupas secas, mesmo impermeáveis, para usar em caso de chuva. Use sempre roupas adequadas, feito de poliéster, nylon ou lã. O algodão é uma má escolha para atividades ao ar livre – absorve a água mais facilmente e permanece molhado por mais tempo do que os materiais sintéticos.

caiaque vermelho

O calçado também é essencial: recomenda-se o uso de sandálias ou sapatos adequados para a água, confiáveis ​​e seguros. Não se esqueça de colocar roupas extras em um saco seco se você pretende fazer uma longa caminhada de um dia inteiro ou se quiser ir durante a noite em busca de aventura. Tenha sempre à mão pelo menos um conjunto de roupas completamente seco para usar à noite em seu saco de dormir ou colcha.

3. Aprenda a usar a bolsa da maneira certa

Não há exatamente quem use uma bolsa impermeável (que no jargão é chamada de “saco molhado”) de forma errada. Aqui está como fazê-lo.

Encha o saco até dois terços e deixe o ar sair. Trave o fecho dobrando a borda superior para baixo pelo menos três vezes e, em seguida, encaixe-o. Preste atenção em qual direção a fivela engata, pois fazer isso na sequência errada fará com que a bolsa se desenrole. Verifique se está selado e apertado.

Na bolsa você pode guardar roupas e objetos de valor ou objetos que não deseja danificar (smartphone, relógio e bijuterias, carteira, chaves do carro, lanches e comida) para guardar no caiaque. Se você está planejando comprar um, encontre um modelo que flutue, o que o salvará do pânico caso seu caiaque vire e tudo saia do barco. Mesmo que sua bolsa molhada flutue, é recomendável prendê-la ao seu caiaque amarrando-a.

4. Pratique o remo básico

Aprender a remar um caiaque não é ciência de foguetes e, por esse motivo, muitas pessoas nem se preocupam em aprender sobre remar adequadamente. No entanto, melhorar sua técnica de remo tornará seu turno mais rápido, mais eficiente e mais divertido.

Faça pelo menos uma aula de caiaque. Você pode achar que não precisa, mas se nunca remou, como pretende adquirir a técnica correta? É melhor evitar as lições de faça você mesmo, talvez dadas por algum amigo ou conhecido. Ao contrário da crença popular, as primeiras lições são aquelas que lançam as bases para o futuro canoísta.

remo básico

O ensino não é tão trivial, é muito melhor escolher alguém que faça isso para viver e que, portanto, seja capaz de avaliar seu nível e, consequentemente, o caminho mais adequado para você.

Você perderá muito menos tempo e aprenderá não apenas a remar da maneira certa, mas também a lidar com situações de emergência com destreza. Em uma aula, o instrutor experiente é capaz de fornecer a base necessária para aprender a remar com um caiaque usando a técnica certa e com segurança.

As aulas de caiaque não são caras. Uma simples pesquisa na internet é suficiente para ajudá-lo a encontrar um centro de caiaque perto de você com os detalhes operacionais do custo por hora de aula, a ser feito individualmente ou em grupo.

5. Qual nó?

Se você vai andar de caiaque, não pode ignorar os nós básicos. Entre os indispensáveis ​​está o nó de caminhoneiro, que permite triplicar a tensão na corda, aplicando apenas um terço dessa tensão com as mãos. Desta forma, você pode prender barcos, lonas ou equipamentos com segurança.

O nó de pescador permite unir duas linhas de pequeno diâmetro e não muito rígidas. Com um pouco de experiência e criatividade, esses nós se tornarão um elemento básico de sua vida na água.

6. Traga um amigo com você

Andar de caiaque com um amigo (ou dois ou três) é uma ótima maneira de se divertir e ter lembranças para compartilhar. Também aumenta a segurança caso o caiaque vire ou as águas se tornem mais turbulentas. Na verdade, andar de caiaque sozinho não é recomendado, especialmente se você é iniciante.

caiaque com um amigo

Se você puder entrar na água com canoístas experientes, não apenas se sentirá e estará mais seguro, mas também aprenderá alguns pequenos segredos. Em geral, andar de caiaque com um amigo ou um grupo de canoístas experientes é o caminho para estar seguro, se divertir e aprender uns com os outros.

7. Compre um colete salva-vidas

Vestindo um colete de flutuação é essencial para qualquer canoísta, seja você um iniciante ou um remador experiente.

Você vai ler em qualquer guia. Auxiliares de flutuação são como coletes salva-vidas, mas permitem mais movimento ao redor dos braços e pescoço, o que os torna muito mais adequados para o caiaque. Mesmo que você seja um nadador ágil, nunca sabe quando pode ter problemas na água.

colete salva-vidas

Auxílios de flutuação sempre serão fornecidos pelas escolas de caiaque, mas se você estiver remando por conta própria, recomendamos que você compre um ou alugue em um centro especializado.

8. Aprenda a reconhecer as armadilhas do rio

Antes de se aventurar ao longo de um rio, aprenda sobre os perigos potenciais. Muitos remadores iniciantes ignoram os perigos e correm o risco de se machucar ou pior.

Se você não sabe qual é a diferença entre os diferentes tipos de vales, provavelmente não está preparado o suficiente, mesmo sabendo nadar bem.

9. Sinal de mão

Muitos iniciantes não percebem o quão forte é o rio. Se você estiver remando remotamente de seu parceiro em um rio turbulento, o som da água pode impedir qualquer forma de comunicação verbal.

Existem sinais que são comumente usados ​​entre o caiaque: certifique-se de aprendê-los antes de qualquer passeio. Você nunca sabe quando vai precisar.

10. Verifique o clima

É importante verificar a previsão do tempo primeiro para colocar o caiaque na água. Saber o que é esperado irá ajudá-lo a se manter seguro e evitar acidentes. É importante evitar o nevoeiro: a visibilidade pode ser reduzida significativamente em poucos minutos e, se você perder a vista da terra, poderá se encontrar em perigo.

Os iniciantes também devem se lembrar de evitar ventos fortes e águas agitadas. Ambos os elementos dificultam o controle do caiaque. Mesmo nos dias mais claros e ensolarados, espere ter uma certa quantidade de vento e ondas. Consultar uma previsão marítima antes de sair para a água é a melhor maneira de se aventurar com segurança. Em caso de mau tempo, adie a excursão.

11. Escolha uma rota ou defina uma rota

Quando sair de caiaque, surpreenda-se com a quantidade de caminhos e vias navegáveis ​​que se abrem à sua frente. É importante escolher um com águas calmas.

Lembre-se de todas as baías em sua rota, caso precise ancorar seu caiaque e fazer uma pausa. Tente escolher um caminho que seja fácil o suficiente para o seu nível de habilidade. Por enquanto, esqueça a emoção de experimente a água branca.

Como sentar?

A postura correta não apenas o manterá equilibrado, mas também o ajudará a dirigir o caiaque e avançar na direção desejada.Se você se sentar ereto com uma ligeira inclinação para a frente, obterá o máximo controle do barco. Os joelhos devem ser dobrados para cima e para fora. A maioria dos barcos tem pequenos apoios para os pés que você pode ajustar para relaxar os pés e manter uma posição correta.

Como segurar o remo?

Você deve pegar o remo com as duas mãos e os polegares por baixo, logo abaixo do ombro. É importante manter uma pegada firme mas relaxada no remo.

Certifique-se de que a parte côncava da lâmina esteja voltada para você. Ao submergir a pá, a parte côncava deve deslocar a água. Verifique se os nós dos dedos estão alinhados com a lâmina.

O tronco faz o trabalho

Seu tronco é a fonte de energia quando você está remando e você deve usá-lo como tal. Mergulhe um lado do remo na água, com o lado curvado para baixo. Puxe-o para a popa do caiaque (ou seja, a parte de trás) e retire-o da água. Assim que o lado do remo sair da água, você deve repetir as instruções com o outro lado. Continue remando com movimentos suaves sem mover as mãos.

Escolha de caiaque?

Existe uma grande variedade de caiaques disponíveis no mercado, desde os de fundo plano adequados para águas calmas, até os cascos em “V” estreitos para quem busca velocidade, até aqueles com fundo curvo adequados para profissionais.

Similar Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *